dos olhos…

DSCF3600

Uns olhos que diziam mais que quaisquer palavras.
Estavam agora calados. Deixara de os ouvir.
Tantas promessas lhes ouvira e tantas vezes neles embarcara. Viagens para não mais esquecer.
É na sua ausência que os recorda melhor. Como uma qualquer luz no corredor dum passado ainda presente.
Agora fecha os seus para não deixar fugir quanto lembra.

Rosa Maria Ribeiro

Um comentário em “dos olhos…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.